segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Curso Técnico em Biblioteconomia em 2012


O Centro de Educação Profissional Ezequiel Ferreira Lima (Cepef) de Campo Grande, Mato Grosso do Sul, abriu inscrições para os cursos de Educação Profissional Técnica de Nível Médio, inteiramente gratuitos, que serão oferecidos em 2012.

Dentre os cursos oferecidos está o de Técnico em Biblioteconomia.

Maiores informações na imagem acima.

Contribuição: Terezinha Ferreira.

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Festa pelos 10 Anos do Curso de Biblioteconomia em Mato Grosso do Sul


No próximo sábado, dia 10/12/2011, acontece a Festa dos 10 Anos do Curso de Biblioteconomia de Mato Grosso do SUl, a partir das 19h, na Sala 3D do Instituto de Ensino Superior da Funlec (IESF).

Uma ótima oportunidade para conhecer novos colegas de profissão, fazer amigos, encontrar novamente aquele colega/amigo que sumiu, confraternizar e comemorar as conquistas desses 10 anos de Biblioteconomia no Estado de Mato Grosso do Sul.

Os ingressos estão disponíveis na Biblioteca do IESF. Valor: R$ 15,00 (inclui churrasco, acompanhamentos e bebidas). Lembrando é claro de levar pratos e talheres.
Haverá também a participação do DJ Guilherme Saldivar.

Para maiores informações, fale com a prof. Ana Paula ou com a Rosi Schwartz.
Prestigie a festa feita pra você, e comemore a Biblioteconomia de Mato Grosso do Sul!!

Participe também pelo facebook, na página de eventos: http://www.facebook.com/?ref=tn_tnmn#!/events/210592395681708/

Veja também o vídeo no Youtube: http://www.youtube.com/watch?v=GVIeVcsQJtI

Contribuição: Rosi; Ana Paula.

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Resultado da Eleição do CRB 1ª Região

Conforme divulgação prévia no site do CRB1, parabenizo a Chapa Integração pela vitória na eleição para o CRB1. Em especial, destacar a presença da prof. Eunice de Lourdes Franco como representante do Estado de Mato Grosso do Sul dentro do CRB, cuja chapa se propôs a trazer representantes de todos os estados da jurisdição para contribuir de forma homogênea nas discussões e atuações.

Espero que tudo aconteça da melhor maneira possível.

Abaixo a informação do resultado das eleições.


---------------

CONSELHO REGIONAL DE BIBLIOTECONOMIA - 1ª REGIÃO
RESULTADO FINAL DE ELEIÇÃO


Brasília-DF, 18 de novembro de 2011.


O Presidente do Conselho Regional de Biblioteconomia da 1a Região, em acatamento ao disposto no artigo 60 da Resolução do CFB n. 88/2008, torna público o resultado final da eleição do CRB-1, para o triênio 2012/2014, tendo sido vencedora a Chapa nº. 01, denominada Integração, com 55,86% dos votos válidos.


O resultado final será publicado oficialmente no Diário Oficial da União do dia 21 de novembro de 2011.

Atenciosamente,


Arlan Morais de Lima
Presidente – CRB-1/1816


Fonte: CRB1. Disponível em: http://www.crb1.org.br/noticias_crb.php?codigo=365. Acesso em: 18 nov. 2011.

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

EREBD SE/CO está chegando


O XII Encontro Regional de Estudantes de Biblioteconomia, Documentação, Ciência e Gestão da Informação da Região Sudeste e Centro-Oeste (EREBD SE/CO) está chegando, e a expectativa dos participantes aumentando.

Sediado este ano na cidade de Campo Grande-MS, o Encontro se propõe a discutir a temática de ações culturais dentro da Biblioteconomia, e os trabalhos enviados para serem apresentados no evento reforçam a ideia. Com palestrantes de notado conhecimento, o evento também congrega o pensamento de pesquisadores de várias escolas de Biblioteconomia do Brasil.

A parte cultural também é outro destaque, como não poderia faltar para reunir as pessoas e celebrar o momento. Com um pacote cultural ótimo, sem dúvida não faltará diversão àqueles que gostam de um agito ao final de cada noite de evento. Dizem que nesses lugares é que saem as melhores ideias. Com opções para 1, 2 ou 3 dias, o participante avalia de acordo com seu ritmo e energia.

A localização do evento também merece ser destacada. O IESF é onde abriga a Biblioteconomia de Mato Grosso do Sul, instituição cujo mérito de ter trazido o curso para o estado deve ser enfatizado, curso este que permanece vivo e em pleno desenvolvimento, e se expandindo, como é o caso do curso de Especialização em Gestão da Informação, do Conhecimento e Novas Tecnologias. Os professores sempre empenhados em oferecer o melhor para os alunos, bem como aumentar seu conhecimento através dos programas de Pós-graduação, no âmbito da educação continuada, veem aumentando a cada vestibular o número alunos interessados em cursar Biblioteconomia. Nessa ebulição de fatos, os participantes estarão, além do evento, no alojamento que lhes permitirá acesso fácil ao centro da cidade, bem como ao principal shopping.

Por fim, tem ainda a programação para conhecer a cidade de Bonito, eleita pela décima vez o melhor destino de Ecoturismo do Brasil, e que em 2009 recebeu o CBBD (Congresso Brasileiro de Biblioteconomia, Documentação e Ciência da informação). Quem não teve oportunidade de ir ao evento em 2009 e conhecer a cidade, terá agora esta oportunidade, e aqueles que já conhecem, poderão viver novamente a experiência de um dos lugares mais lindos do planeta.

Desejo a todos um excelente evento, e desde já parabenizo a equipe organizadora pelo dinamismo e empenho com que estão conduzindo os trabalhos, postando no facebook, twitter, interagindo com os participantes e com outros EREBDs do país. Parabéns! E nos vemos dia 12.

Para maiores informações, acessem: http://erebdseco2011.jimdo.com

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Profissões pouco populares que ganham espaço nos concursos públicos

Publicada em 26/10/2011 às 10h07m

Amanda Moura (amanda.moura@oglobo.com.br)

A escolha da carreira a seguir normalmente é cercada por indecisão e muita expectativa dos mais próximos. As alternativas clássicas, como medicina e direito, são sempre bem-vindas. Mas o anúncio da escolha de cursos menos populares, como arquivologia e biblioteconomia pode causar estranheza. A pergunta que, provavelmente, surgirá é: há mercado para essas carreiras? Sim, há! Apesar de pouco conhecidas, são opções interessantes aos que buscam uma vaga no mercado público.

Só este ano, Banco do Brasil, Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e Banco Nacional de Desenvolvimento (BNDES) ofereceram oportunidades para bibliotecários e arquivistas. Dentre os candidatos à vaga na Finep, Isabela Siebra foi uma das bem-sucedidas no concurso. A bibliotecária está aguardando agora ser chamada para a vaga.

- Estou muito animada e ansiosa para ser chamada para a Finep. Inclusive, já passei também para a Uerj e pro Ministério Público, mas ambos são para cadastro de reserva. Sempre atuei na minha área, nunca tive problemas com isso - afirma Isabela, 41 anos, formada desde 1991, e atualmente trabalhando na biblioteca da Faculdade da Academia Brasileira de Educação e Cultura (Fabec).

Alex Mendes, professor da Academia do Concurso, analisa o cenário dessas carreiras:

- Em muitos concursos, o número de candidatos com a qualificação exigida ou que se interessem pela função gera baixa procura relativa, considerando a média de demanda por outros concursos. Essas vagas são pouco divulgadas e, consequentemente, desejadas, gerando, assim, uma relação candidato vaga mais atraente.

O arquivista Renato Valentini também não tem do que reclamar sobre sua área. Há um ano e meio atuando nos arquivos da Fiocruz, o profissional lamenta apenas a pouca importância dada a profissão.

- A procura por essas carreiras ainda é baixa, considerando a importância delas. Porém, venho notando nos últimos anos alguma melhora nesse sentido. As pessoas estão começando a valorizar aqueles que organizam e facilitam o acesso a documentos importantes para a história da sociedade.

Marcelo Marques, diretor do Concurso Virtual, destaca ainda outras carreiras que também apresentam muitas vezes interessante relação candidato-vaga:

- Vejo isso ocorrendo também, por exemplo, com cargos como políticas públicas e gestores públicos, em função da modernização pela qual a administração pública vem passando - opina Marques.

Mendes lista, ainda, mais carreiras nas quais a busca é abaixo do esperado:

- Concursos para museologia, serviço social e relações públicas são alguns casos. São carreiras atraentes de nível superior, com boa remuneração, benefícios e, o mais importante, estabilidade. Mas acredito que a tendência é que ocorra, nos próximos anos, com a profissionalização do serviço público e os ajustamento de conduta, provocando a demissão dos terceirizados, uma busca ainda mais efetiva por carreiras, até então, desprezadas.

Marques finaliza com um incentivo:

- As pessoas ainda não têm tanto conhecimento das oportunidades em algumas carreiras específicas que os concursos oferecem. Inclusive, muitas pessoas que têm diploma de nível superior acabam fazendo concurso para nível médio acreditando ser mais fácil de passar. E, na verdade, isso é um mito. Atualmente, a concorrência dos concursos de nível médio está muito grande, o que, consequentemente, faz com que o concurso seja mais disputado, dificultando o ingresso. Portanto, acredite nessas oportunidades específicas.

Fonte: http://oglobo.globo.com/economia/boachance/mat/2011/10/25/profissoes-pouco-populares-que-ganham-espaco-nos-concursos-publicos-925652449.asp#ixzz1bv39XY1W . Acesso em: 27 out. 2011.

terça-feira, 4 de outubro de 2011

Novo Cadastro Nacional de Bibliotecas do Brasil

A Fundação Biblioteca Nacional (FBN/MinC), através do Sistema Nacional de Bibliotecas Públicas (SNBP), convoca, a partir do edital lançado na última sexta-feira, dia 30/9, as Bibliotecas de todo o Brasil a se cadastrarem no novo Cadastro Nacional de Bibliotecas do Brasil, projeto realizado em conjunto com o Sistema Nacional de Informação e Indicadores Culturais (SNIIC).

O objetivo do cadastro é mapear de maneira abrangente todas as bibliotecas existentes no país, sejam elas públicas, comunitárias, escolares, universitárias, ou especializadas, levantando dados sobre a relação institucional, público, acervo, serviços, infraestrutura e gestão.

Para inserir seus dados as bibliotecas públicas, escolares, universitárias e especializadas devem ser cadastradas pelos órgãos públicos, ou privados aos quais estão vinculadas, a partir do CNPJ da instituição. Já as bibliotecas comunitárias e os pontos de leitura poderão ser cadastrados a partir do CNPJ da instituição mantenedora, ou pelo CPF do responsável pela biblioteca/ponto de leitura.

É importante realçar que apenas as Bibliotecas que estiverem com os dados atualizados no Cadastro Nacional de Bibliotecas do Brasil estarão em condição de participar dos programas de modernização e atualização de acervos, coordenada pelo Sistema Nacional de Bibliotecas Públicas.

Para acessar o cadastro, clique aqui.

Em caso de dúvida, mande sua pergunta para cadastrosnbp@bn.br ou ligue para a Coordenadoria Geral do SNBP através do telefone 21-2220-4690.

Fonte: FNB. Disponível em: http://www.bn.br/portal/?nu_pagina=128

Contribuição: Ana Paula Soares

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

MS em Letras – II Encontro Regional do Livro e Leitura


A Secretaria de Estado de Educação de Mato Grosso do Sul (SED) realiza, de 22 a 24 de setembro, em Bonito, a 2ª edição MS em Letras – Encontro Regional do Livro e Leitura. A abertura contará com a presença da secretária de Estado de Educação de Mato Grosso do Sul e presidente do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), Maria Nilene Badeca da Costa, e dos secretários de Educação de diversos Estados do país.

O evento marca o lançamento oficial do Plano Estadual do Livro e Leitura (PELL), documento que estabelece metas e estratégias com objetivo de nortear o desenvolvimento na área do livro, da leitura, literatura e bibliotecas, por meio de políticas articuladas que evidenciam a cidadania, a educação, o meio ambiente, as práticas sociais, o respeito à diversidade cultural, a inserção de novas tecnologias e a ampliação de acesso à informação.

Mato Grosso do Sul é o primeiro Estado a implantar seu Plano. O PELL, desenvolvido pela SED em parceria com a Fundação de Cultura, conta com o aval do Ministério da Educação e do Ministério da Cultura que, antes da concretização do Plano Estadual, lançaram o Plano Nacional do Livro e Leitura (PNLL), a fim de mobilizar, capacitar e assessorar prefeituras e Secretarias de Educação e Cultura para o desenvolvimento e implantação de planos.

No ano passado, como parte do Plano e com o objetivo de investir na formação dos agentes de leitura – prefeitos, secretários de Educação e de Cultura, professores, diretores, coordenadores, técnicos das Secretarias e funcionários de bibliotecas – a SED realizou a primeira edição do MS em Letras e reuniu 1.300 pessoas no Centro de Convenções de Bonito.

Fonte: Secretaria do Estado de Educação de MS. Disponível em: http://www.sed.ms.gov.br/index.php?templat=vis&site=98&id_comp=213&id_reg=151619&voltar=home&site_reg=98&id_comp_orig=213 . Acesso em: 31 ago. 2011.

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Anais do CBBD 2011


O XXIV CBBD (Congresso Brasileiro de Biblioteconomia, Documentação e Ciência da Informação), ocorrido de 7 a 10 de agosto de 2011 em Maceió - AL, proporcionou a seus participantes o contato com pesquisas, práticas, e desenvolvimento de produtos e serviços relacionados às bibliotecas, sistemas de informação, documentação e redes de bibliotecas no Brasil e do exterior, no contexto da sociedade da informação e do conhecimento.

Infelizmente não pude participar do evento este ano, mas fico feliz pelos que participaram, bem como aqueles que publicaram seus trabalhos, desde relatos de experiências a trabalhos técnico-científicos, na forma de apresentação oral ou pôster.

O Anais do evento já está disponível e pode ser acessado no seguinte link: http://febab.org.br/congressos/index.php/cbbd/xxiv/search

Dentre eles, quero destacar e parabenizar os colegas bibliotecários de Mato Grosso do Sul que sempre publicam e apresentam seus trabalhos nos vários eventos da área, bem como em áreas afins. Nesta ocasião, colegas do IESF e da UFMS publicaram seus artigos e relatos. Parabéns à Lilian Aguilar Teixeira, Lúcia Regina Vianna Oliveira (colegas de UFMS), Janine Aparecida Ferreira de Souza, Ana Paula Soares, Ana Catarina Cortêz de Araujo(colegas de IESF).

Segue os links dos trabalhos publicados de colegas do MS para que possam lê-los:

http://febab.org.br/congressos/index.php/cbbd/xxiv/paper/view/293/476

http://febab.org.br/congressos/index.php/cbbd/xxiv/paper/view/592/293

http://febab.org.br/congressos/index.php/cbbd/xxiv/paper/view/631/602

Se eu tiver esquecido de alguém, por favor, me comuniquem.

Sucesso a todos e que continuem empenhados na missão.

terça-feira, 9 de agosto de 2011

Guia de referências bibliográficas da história de MT e MS

A FCMS (Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, por meio do Arquivo Público Estadual, está desenvolvendo pesquisa de campo para subsidiar o “Guia de Referências Bibliográficas” da história de Mato Grosso antes da divisão e de Mato Grosso do Sul. Após sua conclusão o Guia vai proporcionar à pesquisa formal e informal subsídios que facilitem a busca e o acesso às fontes de pesquisa.

O projeto, iniciado em abril deste ano, já fez levantamento de aproximadamente 400 títulos de acervos específicos, como Erva Mate, do especialista em História Regional Henrique Spengler, e na biblioteca da UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados), única no Estado com mestrado e doutorado em História.

Uma equipe de historiadores do Arquivo Público, com o bibliotecário Victor de Carvalho Gonçalves, que acompanha voluntariamente o projeto, esteve no mês de julho em Corumbá e retorna neste mês de agosto à região para mais uma etapa do projeto.

O acervo encontrado em Corumbá foi surpreendente, segundo a coordenadora do Arquivo Público, Lira Dequech, por ter uma quantidade significativa de títulos raros referentes à história regional. “Iniciamos o levantamento na biblioteca da Casa de Cultura Luis Albuquerque e tivemos uma grata surpresa ao encontrar inúmeras obras que vão compor nosso guia”, salientou a coordenadora.

Fonte: Campo Grande News. Disponível em: http://www.campograndenews.com.br/entretenimento/cultura/fcms-prepara-guia-de-referencias-bibliograficas-da-historia-de-mt-e-ms

MPF recebe inscrições para estágio em Biblioteconomia

Termina amanhã (10/08), às 17h, o prazo de inscrições ao processo seletivo para interessados em ser estagiário do MPF (Ministério Público Federal) em Mato Grosso do Sul. Podem se inscrever universitários de três áreas: Biblioteconomia, Comunicação Social – Habilitação em Jornalismo, e Informática.

Para participar, é preciso ser aluno de instituições conveniadas com o MPF. O candidato deve ter concluído, pelo menos, 40% da carga horária ou dos créditos necessários para conclusão do curso superior. Candidatos que terminam a graduação no segundo semestre de 2011 ou no primeiro semestre de 2012 não podem participar do certame.

A carga horária de 20 horas semanais e bolsa de R$ 800, além de auxílio-transporte, no valor de R$ 7,00 por dia efetivamente trabalhado. A duração do estágio é de até um ano, podendo ser prorrogado ao limite de dois anos.

Como se inscrever- Os acadêmicos interessados em concorrer às vagas de estágio deverão realizar a pré-inscrição exclusivamente pela internet. Para tanto, o candidato deve preencher a Ficha de Inscrição para Estágio, disponibilizada no link http://www.prms.mpf.gov.br/pre-inscricao/webCadastro.php, no site da Procuradoria da República em Mato Grosso do Sul.

Mais informações pelo telefone (67) 3312-7220.

Fonte: Campo Grande News. Disponível em: http://www.campograndenews.com.br/cidades/empregos/mpf-recebe-ate-amanha-inscricoes-para-estagio-em-tres-areas

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Concurso público para Bibliotecário em Bela Vista-MS

Estão abertas as inscrições para o Concurso Público de provas e títulos para o quadro de pessoal da Prefeitura Municipal de Bela Vista-MS. Dentre as vagas para cargos de nível superior, possui uma (01) vaga para Bibliotecário, além de uma (01) como cadastro de reserva.

O regime de trabalho é de 40h semanais, e a remuneração de R$ 2.448,60. Analisando a conjuntura sul-mato-grossense, este concurso surpreende positivamente ao oferecer um salário acima do que normalmente as prefeituras oferecem aos cargos de nível superior nos concursos até então realizado, bem como a oferta de vaga para Bibliotecário. Parabéns aos responsáveis por este feito.

Maiores informações no site: www.belavistams.ms.gov.br.Acesse o Edital completo: http://portal.cnm.org.br/sites/7700/7727/noticias/EDITALCONCURSO2011.pdf
Contribuição: Ana Paula; Vagner.

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

X CINFORM - Encontro Nacional de Ensino e Pesquisa em Informação



Do dia 19 a 22 de Setembro de 2011 acontece em Salvador - BA, o X CINFORM (Encontro Nacional de Ensino e Pesquisa em Informação), promovido pelo Instituto de Ciência da Informação da UFBA (Universidade Federal da Bahia).

Os prazos para inscrição no X CINFORM e para submissão de trabalhos foram alterados.
* INSCRIÇÃO: de 15 de agosto para 25 (R$ R$ 180,00);
de 30 de agosto para 5 de setembro (R$ 250,00);

* SUBMISSÃO DE TRABALHOS: para 30 de agosto.

No sítio do evento tem todas as informações: www.cinform2011.ici.ufba.br

Para contato, segue o e-mail: cinform2011@ufba.br

Fonte: Luciana Costa. Lista "Bibliotecários PB".

quarta-feira, 13 de julho de 2011

Pós-graduação em Ciência da Informação para 2012


PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO 2012
UNESP - Campus de Marília
Inscrições Abertas: 01/07/2011 a 25/07/2011
www.marilia.unesp.br/

O PROGRAMA
O Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação tem como linha mestra o estudo crítico das metodologias utilizadas para tornar a informação disponível e acessível, mormente com o uso das tecnologias que propiciem a construção do conhecimento científico, tecnológico e social na atualidade, com especial ênfase ao papel da gestão, organização, produção, representação, mediação e uso da informação como matéria-prima para o desenvolvimento do conhecimento.

OBJETIVOS
Os cursos de Mestrado Acadêmico e de Doutorado, cuja área de concentração é "Informação, Tecnologia e Conhecimento", têm por objetivo precípuo o desenvolvimento de referenciais teórico-metodológicos inovadores nas temáticas relativas à organização, produção, gestão, mediação, uso, e aspectos tecnológicos da informação, como subsídios à consolidação científica da área em nível nacional e internacional.

COORDENADOR
Dr. João Batista Ernesto de Moraes

VICE-COORDENADORA
Profª. Drª. Marta Lígia Pomim Valentim
------------------------------------------------------------------------------------

NÍVEL
Mestrado: 12 vagas
Doutorado: 06 vagas
------------------------------------------------------------------------------------
PERÍODO DE INSCRIÇÃO [somente pelo site]
01/07/2011 a 25/07/2011
------------------------------------------------------------------------------------

ÁREA DE CONCENTRAÇÃO
INFORMAÇÃO, TECNOLOGIA E CONHECIMENTO
A área de concentração "Informação, Tecnologia e Conhecimento" está alicerçada nas questões de organização, gestão,mediação e uso da informação e do papel da tecnologia nos processos informativos e, permite a UNESP, contribuir significativamente para o fortalecimento da pesquisa e da capacitação docente em Ciência da Informação no país, propiciando um trabalho de cooperação e de intercâmbio de informações com os demais cursos de pós-graduação e, principalmente, com a Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Ciência da Informação (ANCIB) e com a Associação Brasileira de Educação em Ciência da Informação (ABECIN).

LINHA 1: INFORMAÇÃO E TECNOLOGIA
Realiza estudos e pesquisas relacionados à geração, armazenamento, gestão, transferência, utilização e preservação da informação e de documentos nos ambientes científico, tecnológicos, empresarial e da sociedade em geral, associados a métodos e instrumentos proporcionados pelas tecnologias da informação e comunicação (TICs). A linha tem por objetivo o desenvolvimento e análise de metodologias e estruturas tecnológicas para a otimização e customização de processos e sistemas informacionais em distintas ambiências.

LINHA 2: PRODUÇÃO E ORGANIZAÇÃO DA INFORMAÇÃO
Considerando a informação registrada e institucionalizada como insumo básico para a construção do conhecimento no contexto da Ciência da Informação, destaca-se o desenvolvimento de referenciais teóricos e metodológicos interdisciplinares acerca dos procedimento envolvidos na produção e na organização da informação. Assim, a produção da informação é abordada sob os eixos da produção científica (avaliação do comportamento da ciência) e da produção documental (Diplomática contemporânea), enquanto, na organização da informação, destacam-se os processos de análise, síntese, condensação, representação e recuperação do conteúdo informacional. Ressaltam-se, como dimensões teóricas, a reflexão sobre a teoria da ciência e a organização do conhecimento, e, como dimensões aplicadas, os estudos métricos (Informetria, Cienciometria, Bibliometria e Webometria), a tipologia documental, os instrumentos e produtos de organização da informação e as questões de formação e atuação profissional na área.

LINHA 3: GESTÃO, MEDIAÇÃO E USO DA INFORMAÇÃO
Realiza estudos teóricos e metodológicos de temáticas relacionadas à: cultura, comportamento e competência em informação; fluxos, processos, usos e usuários da informação; processos de mediação da informação; gestão da informação, gestão do conhecimento e aprendizagem organizacional; inteligência empresarial, prospecção e monitoramento informacional; redes sociais; políticas e práticas de informação e leitura.

------------------------------------------------------------------------------------
INSCRIÇÕES ON-LINE
www.marilia.unesp.br

------------------------------------------------------------------------------------
MAIS INFORMAÇÕES [08h00 às 12h00 e das 14h00 às 18h00]
-------------------------------------------------------------------------------------FUNDEPE - Fundação para o Desenvolvimento do Ensino, Pesquisa e Extensão
Av. Vicente Ferreira, 1346 - Cascata
CEP: 17515-000 - Marília/SP
Fone: (14) 3311-9500
www.fundepe.com | cursos@fundepe.com

terça-feira, 28 de junho de 2011

Tentativa de invadir meu Facebook

Queridos leitores,

Peço licença a vocês para manifestar meu desapontamento por um fato ocorrido ontem. Tentaram, por algum motivo, invadir meu perfil do Facebook, criado recentemente para, assim como as demais redes sociais, facilitar a comunicação deste Blog com os interessados pelo debate e pelas informações em torno da Biblioteconomia, Ciência da Informações e outros temas pertinentes e relacionados.

Isso me soa lamentável, e me faz ponderar o interesse de alguém em entrar sem autorização em minha página, até mesmo porque essa página é pública, todos os que possuem uma conta no Facebook podem visualizar meu perfil, minhas atividades e minhas atualizações.

Relutei muito em abrir esta conta no Facebook, por várias razões, mas jamais pensei nessa possibilidade, o que me desistimula e me faz pensar em exclui-la já no começo.
Pedi a um amigo da área de informática para descobrirmos o IP de onde veio essa tentativa, mas independente disso, penso que não justifica o ato feito ontem.

Espero, que isso não volte a ocorrer.

No mundo da informação e comunicação ainda existe ética.

Cordial abraço,

Elder Lopes

quinta-feira, 16 de junho de 2011

Vagas para Bibliotecário em Mato Grosso do Sul

Olá Queridos leitores,

Esta postagem é rápida somente para divulgar duas vagas de trabalho para Bibliotecários em Mato Grosso do Sul.

A primeira vaga é para a FACSUL, para trabalhar nos períodos vespertino e noturno. A remuneração inicial é de R$ 1.237,00.

Os interessados deverão comparecer à sede da FUNTRAB, localizada na Rua 14 de Julho, número 992 (fica entre a Rua Jornalista Belizário Lima e a Rua Calarge), em Campo Grande-MS.

Para concorrer à vaga, os candidatos devem levar os seguintes documentos: RG,CPF e Carteira de Trabalho. O horário disponível nos dias úteis é das 7h30 às 17h30. Para maiores informações sobre a vaga ligue 0800 6470013.

Outra oportunidade é na MAGSUL, na cidade de Ponta Porã, também uma vaga para bibliotecário. Os interessados devem enviar currículo para faculdadesmagsul@terra.com.br
Para quem não sabe, a Magsul era antes a Anhahguera, e antes da Anhanguera, era a FIP.

Aproveitem a oportunidade!

Cordial abraço!!

Contribuição: Ana Paula Soares; Wanderlice Assis.

segunda-feira, 30 de maio de 2011

Continuação: um olhar pessoal sobre redes

Faça um exercício, como farei agora, e tente imaginar que rede você poderia fazer parte, se encaixar, criar. Vamos lá, vou começar:
-Bibliotecários do MS: contatos em várias cidades, de assuntos na área ou não;
-UFMS: dúvidas, contato com pessoas da instituição;
-Bonito: Pessoas que querem conhecer a cidade, informações, acolhimento;
-Cuba: Troca de informações, contatos locais, dúvidas;
-Mato Grosso do Sul: dúvidas, contato com pessoas dependo da cidade.

Isso foi somente para começar a imaginar e refletir o quanto facilitaria para as pessoas se essas redes estivessem ativas. Em se tratando de lugares, especificamente, eu particularmente acho bem assustador ir para uma cidade que não se conhece, e às vezes é tão simples de se resolver isso, ou mesmo, economizaria tanto tempo, dinheiro e stress se pudéssemos adiantar alguma coisa para alguém que vem ou vai para determinado lugar. Me recordo quando fui fazer um concurso em São Paulo, como eu estava tenso pela viagem, minha primeira viagem pra fora do Estado de MS, justamente em uma cidade do porte e da fama de São Paulo. Fui sem conhecer nada, ninguém, com contato mínimo que tentei fazer com algumas pessoas de lá, e claro, por falha em meu pensamento isolado e temeroso da época, e com a impessoalidade das pessoas que tentei contatar. Pela benção de Deus deu tudo certo, tudo mesmo, mas poderia ser menos tenso.

Cada vez mais essas experiências me fazem crer que é possível e necessário que façamos parte de redes que colaborem de alguma maneira, seja para um indivíduo, seja para um grupo, ou para toda a sociedade. Diminuir o ônus que o sistema emprega em sua burocracia, e mostrando que não é preciso temor, que é possível confiar nas pessoas, e ajudá-las.

Não basta acharmos que somos integrantes de redes pelo simples fato de estar vinculados e acompanhá-las. O que nos faz membros delas é nossa importância para elas, e nossa importância se dá na medida em que colaboramos com ela, quando agimos em favor dos que dela usufruem.

Espero que, de alguma maneira, você que leu este texto possa aumentar sua parcela de colaboração. Rede e solidariedade andam juntas.

terça-feira, 10 de maio de 2011

Um olhar pessoal sobre as redes

* Texto escrito em 30/04/2011.

Queridos leitores,

Eis que estou aqui escrevendo algo após algum tempo em que me deparei apenas disseminando a informação de uma maneira bem impessoal, mas tentando ao máximo evitar essa postura tão fria.

Neste momento estou de férias, alguns dias de férias que estou podendo aproveitar e pensar, divagar. Pensar na vida, pensar nas coisas. Confesso que está sendo muito bom para mim esses dias de descanso mental. E algo que não sai de minha cabeça e que nesses dias se intensifica se resume em uma palavra: Rede. É algo que ouvimos e lemos muito, e que nos permite viajar em pensamentos diversos sobre o assunto.
Em meio ao meu descanso, não deixo de acessar a internet para ler e-mails e notícias, resolver questões pessoais, e fico vendo as redes existentes e as redes que poderiam existir se não fosse nosso defeito, nossa negligência de não conseguir criar e manter os nós e as ações necessários para a efetiva existência dessas redes.

Já faz algum tempo iniciei trâmites que necessitavam enviar documentos à Brasília-DF, cujo processo demoraria em torno de 20 dias se fosse feito à distância, via postal, e 1 dia se fosse feito pessoalmente, sem que precisasse ser o interessado a levar os documentos. Eu, em minha negligência de pensar e agir em rede, tive que arcar com todo o ônus dessa falta de pensamento colaborativo.

Recentemente precisei mais uma vez enviar documentos a Brasília, mas dessa vez pensei e agi, conseguindo a alegria de ter contato com colegas bibliotecárias de Brasília, que prontamente se solidarizaram com minha necessidade e manifestaram interesse em colaborar. Obviamente, eu não quis e nem devia abusar de tão agradável gentileza, e pedi o favor àquela que eu imaginei que seria menos incômodo de minha parte (aproveito e já faço aqui um agradecimento público à colega Maruska pela colaboração, bem como às demais colegas que se prontificaram a ajudar. Muito obrigado!). Destaco que essa colaboração me tirou o ônus de demora e burocracia no total de um mês, tendo em vista que eu iria ainda passar pela burocracia internacional.

Também faz poucos dias recebi um e-mail de uma amiga bibliotecária que não nos falávamos a alguns anos, que vive em Campo Grande-MS. Ela queria ir com uma amiga dela para conhecer a cidade de Bonito, onde moro, mas queria que eu passasse algumas dicas sobre hospedagens, pois Bonito, como as demais cidades turísticas, é muito cara na alta temporada, sendo que Bonito tem um detalhe, lota em feriados, não tendo opções de hospedagens, nem barato nem caro.

Minha casa é muito pequena, mas oferece um mínimo de conforto. Ofereci minha casa a elas, claro, como moro sozinho, estava meio bagunçada, além do que tinha passado por uns fatos pessoais ("furacão"), e não teria tempo de limpá-la até a vinda delas. Que nada, ofereci, e fiquei a madrugada limpando um pouco da casa. Quando elas chegaram, as apresentei à casa pois eu iria viajar também, estava começando minhas férias e tinha marcado compromisso com a família em outra cidade. Elas ficaram dois dias aproveitando as belezas naturais de Bonito no feriado.

Faço o mestrado na cidade de Corumbá, e sempre preciso de documentos e outras coisas de lá, que se fosse pedir formalmente, demoraria, certamente. Mas tenho uma amiga que trabalha lá, e sempre que preciso entro em contato com ela que prontamente consegue pra mim, e por facilidades que o sistema oferece, rapidamente tenho o que preciso, claro, tudo dentro da legalidade. Aqui também quero agradecer publicamente à Tânia pela constante colaboração.

Em fevereiro fiz a prova do concurso do TRT da 24ª região. Faz pouco tempo uma pessoa entrou em contato comigo por e-mail pedindo a prova e o gabarito para estudar para a prova do TRT de Mato Grosso (MT). Demorei um pouco, pois não achava a prova em minhas coisas, e a mesma já não estava disponível no sitio da FCC. Achei esses dias, digitalizei e enviei pra ele, só espero que em tempo para ele estudar.

Enfim, eu poderia ficar aqui escrevendo vários casos que aconteceram e acontecem comigo, mas encerro os exemplos. Essa é só uma amostra de quantas redes podemos formar e manter, e que nos ajudam, e muito, a vencer a burocracia do sistema, que nos onera em tempo, dinheiro, recursos, fisicamente e mentalmente. A cooperação existe, entre outras coisas, para que as coisas funcionem de acordo com nossas necessidades.

Mas para que a rede funcione é preciso de envolvimento das pessoas, que são os elementos que estão por trás dos nós que integram o sistema. Nós trabalhamos no sistema, e utilizamos o sistema. Às vezes sinto as pessoas muito isoladas, mesmo tendo diversos meios de comunicação. O custo de comunicação é minimo, temos e-mails, MSN, orkut, facebook, twitter, skype (descobri a pouco tempo), etc. Mas de que vale tudo isso se não agimos como membros dessa rede, colaboradores, integrantes.

Este blog também veio com o objetivo de subverter o sistema, de ser um elo de ligação da classe de Bibliotecários, primeiramente do Estado de Mato Grosso do Sul, mas hoje vejo que pequei quando pensei assim, sendo que a grande teia é global. Hoje, meus contatos são com pessoas de várias partes do Brasil e do mundo, e me surpreendo a cada dia com o alcance que esse blog tem, isso porque ele ainda nem é um dos top, mas já contribui de alguma maneira.

Hoje vejo mais além, cada um de nós pode ser membro, colaborador e agir em favor de várias coisas que muitas vezes emperram. Podemos agir para que as coisas a nossa volta, e em volta dos outros funcionem e ajudem em suas necessidades. O papel social das redes é algo encantador, pois traz na solidariedade o pilar de sustentação e motivação de cada dia contribuir para melhoria de uma pessoa, de um grupo, de várias pessoas, de vários grupos.

sábado, 30 de abril de 2011

Concurso do TRT 24ª Região: Saiu o resultado



Eu já havia me esquecido do concurso do TRT 24ª Região, pois, pelas minhas contas eu não havia sido aprovado. Minha amiga Tânia me lembrou, e agora aviso a quem não viu ainda. Saiu o resultado do concurso!!!!

Segue o link do Edital 05, com a lista de aprovados em todos os cargos.
http://www.concursosfcc.com.br/concursos/trt24110/edital_resultado.pdf

Para minha surpresa, fiquei dentro da lista de aprovados, no total de 22 aprovados para o cargo de Bibliotecário, mas nem quero saber como foi o cálculo, recurso, etc. Me dói a cabeça só de pensar no cálculo. Mas fico feliz em ter sido aprovado.

Quero parabenizar os aprovados, e desejar aos primeiros colocados que sejam chamados, quem sabe, embora seja cadastro de reserva, chamem mais de um candidato aprovado. Tudo é possível!!

Contribuição: Tânia R.B.

quarta-feira, 13 de abril de 2011

Pós-graduação em Gestão da Informação, do Conhecimento e Novas Tecnologias: material de divulgação



Caros colegas,

Recebi e repasso o folder de divulgação da Pós-graduação Lato Sensu em Gestão da Informação, do Conhecimento e Novas Tecnologias a ser oferecida em Campo Grande, Mato Grosso do Sul.

Isso me deixa extremamente feliz, em saber que nossos colegas conseguiram com esforço oferecer esse curso, que me atrevo a dizer, será Lato Sensu com densidade e níveis de uma Pós-graduação Stricto Sensu.

P.S: Os alunos da Biblio tem futuro como modelos. Parabéns!!

segunda-feira, 4 de abril de 2011

Pós-graduação em Gestão da Informação, do Conhecimento e Novas Tecnologias

Tudo indica que o esperado curso de Pós-graduação em Gestão da Informação, do Conhecimento e Novas Tecnologias, promovido pelo Instituto de Ensino Superior da FUNLEC, em Campo Grande, vai sair do papel.

Dia 07 de maio está previsto o começo das aulas, que serão ministradas aos sábados quinzenalmente, em módulos. São dezoito disciplinas, que vão desde Fundamentos em Informação até Economia da Informação, conforme informa o Prof. Rodrigo Pereira. Vale lembrar, que para os egressos da instituição haverá desconto. Em breve será divulgado o folder do curso. Por enquanto, para maiores informações e inscrições, ligue na secretaria do curso:(67)3901-2868; (67)3901-2870.

Este curso promete superar as expectativas, inflamado pela disposição dos docentes, cuja motivação já é conhecida, e agora pelo conhecimento adquirido nesses últimos tempos através dos programas de mestrado que participaram.

Para conversar a respeito do curso, acesse o Blog do prof. Rodrigo Pereira, ao Extremo! (http://rodrigopereiracg.wordpress.com)

quinta-feira, 24 de março de 2011

* Dia de Alegria: União de Bibliotecários *

Hoje é dia de alegria a dois queridos Bibliotecários desse mundo! Hoje eles se casam, e com o casamento vem o segundo desafio cumprido. O primeiro foi ter se conhecido, e tido afinidade e cumplicidade suficiente para tomar a decisão de se casar.

Hoje é apenas parte do todo. Após isso, a verdadeira felicidade virá quando da união efetiva desses dois apaixonados pela profissão, e apaixonados um pelo outro. O próximo passo será dado, e todos torcendo para que dê certo.

Que Deus abençoe este matrimônio, e que esta data (24 de março de 2011) seja comemorada por muitas e muitas vezes, como o marco da união eterna entre os dois, unidos pela profissão e pelo amor!

Espero que em breve eu possa divulgar a informação completa.

quarta-feira, 23 de março de 2011

Biblioteconomia à distância na UNEB e UFBA

A Universidade do Estado da Bahia (UNEB) e a Universidade Federal da Bahia (Ufba) estão estudando a criação de um curso de Biblioteconomia, na modalidade à distância, pela Universidade Aberta do Brasil (UAB). A proposta foi tratada durante abertura da I Semana do Bibliotecário, em Salvador.

A escassez de profissionais habilitados no Estado da Bahia é o motivo pela demanda do curso à distância. Essa demanda por profissionais bibliotecários tem impulsionado o interesse pela oferta de cursos de Biblioteconomia na modalidade à distâncias nas várias regiões brasileiras.

O Conselho Federal de Biblioteconomia, em parceria com a Capes, vem estabelecendo os caminhos para a realização dessa proposta. Vale salientar que a proposta de oferecer o curso à distância vem somar à Lei nº 12.244, 24 de Maio de 2010, que trata da universalização das bibliotecas nas instituições de ensino brasileiras.

Grandes passos, a médio e longo prazo, trarão resultados importantes para a Biblioteconomia e para a educação brasileira. Pelo menos é isso que se espera.

Fonte: Site UNEB. Disponível em: http://www.uneb.br/2011/03/16/uneb-e-ufba-querem-criar-curso-de-biblioteconomia-na-modalidade-ead/. Acesso em: 23 mar. 2011.

sexta-feira, 11 de março de 2011

Feliz Aniversário!!!


Hoje é dia de uma alegria especial. Hoje me sinto mais feliz. Hoje é meu aniversário!

Compartilho com vocês a minha alegria, e confidencio que não sinto o peso de mais um ano de vida, ao todo 23 anos. Me sinto leve, leve como nos tempos de criança!!

Eu só peço a Deus que continue me agraciando com Sua proteção, que nunca falhou, bem como à meus entes queridos.

E por fim...

"[...]
Sólo le pido a Dios
Que el futuro no me sea indiferente,
Desahuciado está el que tiene que marchar
A vivir una cultura diferente."
(Mercedes Sosa. Solo le pido a Dios)


sexta-feira, 4 de março de 2011

Novidades do Concurso do TRT 24ª Região

Já está disponível no site da Fundação Carlos Chagas o gabarito e o caderno de provas do concurso do Tribunal Regional do Trabalho da 24ª Região, em Mato Grosso do Sul.

Quem quiser ter acesso às questões e não conseguir, entre em contato comigo que providenciarei. Considerei essa prova tranquila, com 60 questões, sem redação e raciocínio lógico, com textos interessantes. Algumas questões estavam confusas, mas não sei se era a questão que era mal elaborada ou eu que não sabia o conteúdo.

Agora começa a corrida para os recursos, uma maneira de subir algumas colocações na classificação final, principalmente pelo fato de ser Cadastro de Reserva para o cargo de Analista em Biblioteconomia, portanto, se entrar um candidato já é muito. Elaborem recursos se acharem pertinentes.

E o resultado só sairá mesmo no final de abril, tendo em vista que para outros cargos houve a redação, o que acaba por atrasar mais a avaliação e divulgação do resultado final. Esperemos.

Quem quiser discutir alguma questão para recurso ou somente debater alguma questão que caiu, este espaço está aberto, é só clicar em comentários. Quem quiser puxar a fila pra compartilhar a quantidade de acertos na prova e ver quais dos 66 candidatos ( ou menos pois alguns faltaram) tem mais chances, também podem colocar um ranking de classificação. As posições mais baixas do ranking pode reservar pra mim.

Viajarei nesse final de semana de carnaval, sem acesso à internet nem telefone, portanto: Blog Liberado!!!!!!! Comandem aí!

Cordial Abraço e Bom feriado de Carnaval. Aproveitem!! (com responsabilidade).

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Novidades da Biblioteconomia


Dizem que o ano só começa depois do Carnaval, e isso parece se concretizar. O ano ainda está devagar, mas algumas novidades vão acontecendo paulatinamente. Vou aproveitar a oportunidade para repassar algumas informações.

Primeiro que o curso de Biblioteconomia do IESFUNLEC, único curso de Biblioteconomia no Estado de Mato Grosso do Sul, está sob nova coordenação. Assumiu a prof. Ana Paula Soares no lugar do prof. Rodrigo Pereira, que continua como docente. Aproveito a oportunidade e reitero meus votos de sucesso nessa nova responsabilidade à Ana Paula. Lamento não ter comparecido à abertura das atividades acadêmicas mas desejo frutíferas aulas aos acadêmicos e professores da Biblio.

Igualmente, destaco que a prof. Eunice de Lourdes Franco assumiu função de coordenadora acadêmica da faculdade. Quem conhece a prof. Eunice sabe do quanto ela é capaz, e saber de sua nova função é um orgulho e honra a todos que a conhecem e lutam na causa. Sucesso à prof. Eunice também em mais uma atividade.

Também, como novidade têm a provável abertura do curso técnico em Biblioteconomia na cidade de Dourados, após já haver turma na cidade de Campo Grande. Espero que dê tudo certo aos colegas que estão à frente deste novo projeto, e que logrem êxito na formação de pessoal para atuação nas bibliotecas.

E a FEBAB divulgou o portal do XXIV Congresso Brasileiro de Biblioteconomia, Documentação e Ciência da Informação (XXIV CBBD) que acontecerá na cidade de Maceió – AL, de 7 a 10 de agosto de 2011. Veja o link:
http://febab.org.br/congressos/index.php/cbbd/xxiv
Já é possível submeter trabalhos para o XXIV CBBD, no link:
http://febab.org.br/congressos/index.php/cbbd/xxiv/schedConf/cfp

Também já é possível fazer inscrição no link:
http://febab.org.br/congressos/index.php/cbbd/xxiv/schedConf/registration

Por falar em evento, eu aproveito e reforço a informação sobre o XXXIV Encontro Nacional de Estudantes de Biblioteconomia, Documentação, Ciência e Gestão da Informação (XXXIV ENEBD), que acontecerá de 25 a 30 de Julho de 2011 na Universidade Federal do Amazonas (UFAM). Mais informações podem ser obtidas no site: http://enebd2011.jimdo.com/
Por fim, aos colegas bibliotecários que esperam pela nomeação para os Institutos Federais, como o Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS), ficaram tristes ao ver as notícias de corte no orçamento da União, inclusive afetando novos concursos e nomeações. A boa notícia é que foi publicado no Diário Oficial da União (D.O.U) de 31 de janeiro de 2011 os códigos das vagas a serem preenchidas pelos Institutos Federais do Brasil, entre eles, o IFMS. O arquivo pode ser visto no seguinte link: http://www.in.gov.br/imprensa/visualiza/index.jsp?jornal=1&pagina=45&data=31/01/2011

Creio que em breve novos colegas bibliotecários estarão se apropriando das bibliotecas do Brasil nos Institutos Federais, e deste todo, 12 bibliotecários assumirão em Mato Grosso do Sul, contribuindo para a Biblioteconomia deste canto do país.

Esta foi uma síntese de algumas novidades. Caso queira saber mais detalhes, entre em contato por comentário, por e-mail ou pelo “Bibliotecário on line”. Atualizações serão publicadas em tempo através de novas postagens.

Cordial abraço,

Elder

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Mensagem do Mantenedor


Olá Queridos Leitores!!

Eis que volto do ostracismo que eu mesmo me inseri, após um começo de ano não muito feliz nem muito empolgante. O que foi refletido neste blog nesse tempo traduz exatamente o estado de espírito do mantenedor, quem vos escreve ainda em “tom” abatido.

Mas, qual foi minha surpresa ao ver que, mesmo em exílio, muitos leitores entraram em contato comigo por e-mail, dando novo ânimo ao retorno para as atividades virtuais.

Portanto, estou de volta, e conto com a irrestrita colaboração de cada um que acessa este espaço. Seja comentando as postagens, seja tirando dúvidas pelo “Bibliotecário on line” ou por e-mail, além dos colaboradores que enviam informações para serem postadas, todos tem importância fundamental para a permanência do blog.

Vamos juntos este ano de 2011 continuar o trabalho em favor da construção do conhecimento. Conto com vocês!

Fraternal abraço.

Elder Lopes

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Concurso para Bibliotecário do TRT-MS e do IFMS: novidades


Olá queridos leitores!!

O ano de 2011 já começa com grandes novidades, e fazendo a vida de algumas pessoas mais feliz, bem como, dando novas perspectivas aos mesmos. Estou falando, especificamente, dos concursos do Tribunal Regional do Trabalho da 24ª Região (TRT-MS) e do Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS), com destaque para o cargo de Bibliotecário.

Sobre o concurso do TRT-MS, foi divulgada a estatística de inscritos, cujo número me surpreendeu: 66 inscritos para Analista de Biblioteconomia (um desses inscritos sou eu). Tendo em vista que este cargo do concurso é cadastro de reserva, o número surpreende, face à concorrência do concurso do MPU realizado recentemente, que teve um total de 30 inscritos para o mesmo cargo. Claro que tem alguns fatores a serem considerados, como, por exemplo: no MPU abriu vagas para todo o Brasil, e do TRT-MS é um dos poucos concursos abertos no momento para o cargo de Bibliotecário com remuneração atrativa.

Passando para o IFMS, saiu o Edital com o resultado final do concurso. Com 10 Bibliotecários aprovados para Aquidauana, a candidata aprovada em 1º lugar foi Miriam Regiane Dutra Cabrera, com 78 pontos; e em 2º lugar Tatiane Nobue Iseki com 66 pontos. Parabéns às duas candidatas pelo êxito!
Para a cidade de Coxim, Janaina Costa Silva ficou em 1º lugar com 70 pontos; e em 2º lugar Graziele Tobias Fernandes Albrecht com 68 pontos. Também fica meus parabéns pelo êxito no concurso!

Um destaque especial que faço é que estes concursos vêm trazendo para o Estado de Mato Grosso do Sul profissionais Bibliotecários qualificados, e que podem contribuir, e muito, para o crescimento e fortalecimento da profissão frente à sociedade sul-mato-grossense. Verifica-se também que alguns profissionais estão no mestrado, outros no doutorado, e com vasta experiência na área.

Penso que só vem acrescentar para a área, e assim, integrarmos nossos profissionais nos cantos desse Mato Grosso do Sul. E logicamente, os Bibliotecários já atuantes no Estado os recebem com muita alegria.

Sejam Bem-vindos!

Fonte: Estatística do concurso do TRT-MS: Disponível em: http://www.concursosfcc.com.br/concursos/trt24110/estatistica_geral.pdf . Acesso em: 14 jan. 2011.

Resultado Final do Concurso do IFMS: Disponível em: http://www.ifms.edu.br/wp-content/uploads/2010/11/Edital_010_resultado-final_13.01.11.pdf . Acesso em: 14 jan. 2011.

quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

Bibliotecário entre as 30 melhores profissões nos EUA

O The Wall Street Journal publicou a pesquisa do site de profissões CareerCast listando um ranking com 200 postos de trabalho com base no rendimento, ambiente de trabalho, estresse, esforço físico e as perspectivas de trabalho, usando dados do Departamento do Trabalho e do Censo dos EUA.
A pesquisa mostra o melhor e pior emprego dos EUA, numa equação com os itens acima citados, o que quer dizer que nem sempre o melhor emprego é o que paga mais, nem o que tem mais conforto.

A profissão de Bibliotecário ficou em 29º lugar, com uma renda anual de $ 54000 USD, o que, por mês e em reais, seria algo em torno de R$ 7560,00 reais.
Claro que os números nem sempre condizem à realidade, o que exige cautela ao analisar. Mas que é bom, isso é!!

Veja a lista completa: http://online.wsj.com/article/SB10001424052748704723104576062173458318658.html?mod=WSJ_hp_mostpop_read
Enquanto isso, no Brasil...

Fonte: The Wall Street Journal. Disponível em: http://online.wsj.com/public/resources/documents/st_BESTJOBS0104_20110105.html . Acesso em: 06 jan. 2010.

Fonte e colaboração: Celyna, em @celyna